Lançamentos de Abril/2020 da Editora Rocco



Entrevista com o vampiro (ed. capa dura) - - Como aconteceu? - Existe uma resposta muito simples, mas não acredito que quer as respostas simples. Acho que quero contar a verdadeira história... " E a verdade será contada. Assustadora, erótica, estranha, perversa e irresistível. Esses adjetivos normalmente assombram o nosso imaginário a respeito de vampiros, mas a série das Crônicas Vampirescas, criada por Anne Rice, usa esse imaginário apenas como uma entrada num "banquete" muito mais que simplesmente macabro. Escrita em 1976, Entrevista com o Vampiro inicia a série que apresentou a rainha dos Condenados e o vampiro Lestat de Lioncourt, levando os críticos à descoberta de que trata-se da sedutora história de horror do nosso tempo. Uma história que começa com a ousadia dum jovem jornalista entrevistando Louis de Pointe du Lac, nascido em 1766 e transformado em vampiro pelo próprio Lestat, personagem apaixonante que terminará, ao longo da série, arrebatando multidões como um astro. " - Quer dizer que ele sugou seu sangue? - Sim, o vampiro sorriu. É assim que acontece. " Louis, esse vampiro que recusa-se a livrar-se das características humanas e aceitar a perversão que marca os vampiros, continua a contar a história desde o início: " - Escute, mantenha os olhos abertos, sussurrou Lestat com os lábios encostados no meu pescoço. - Lembro que o movimento dos seus lábios arrepiou todos os cabelos do meu corpo, enviando uma corrente de sensações que não eram diferentes do prazer da paixão... Compre na AMAZON.


Modern Love - Algumas das histórias de Modern Love não são nada convencionais, enquanto outras parecem bem familiares. Algumas revelam como a tecnologia mudou para sempre o namoro, outras exploram as lutas atemporais vividas por quem já procurou amor. Acima de tudo, todas constituem relatos honestos que mostram como os relacionamentos começam, como geralmente fracassam e, quando temos sorte, perduram. Organizado pelo editor Daniel Jones, e apresentando uma seleção diversificada de colaboradores incluindo Amy Krouse Rosenthal, Larry Smith, Ayelet Waldman, Andrew Rannells, Veronica Chambers, Dan Savage, entre outros escritores, este é o livro perfeito para quem é amado, está perdido ou sendo perseguido por um ex nas redes sociais, ou para aqueles que sempre desejaram um romance verdadeiro. Em outras palavras, uma leitura para qualquer pessoa interessada no funcionamento infinitamente complicado do coração humano. Compre na AMAZON.


A bela e a fera - A bela e a fera é uma das obras de Clarice Lispectorq ue exalam a capacidade criadora e o poder de imaginação da estrela maior da literatura de autoria feminina no Brasil. As ideias que nutrem estes oito contos, escritos em 1940 e 1941 (parte I) e 1977 (parte II), recriam uma atmosfera a partir de situações cotidianas corriqueiras que termina por despertar no leitor a sensação do insólito que há em nossas vidas. Ninguém consegue ficar indiferente a essas ideias. Elas estimulam o lado mais criativo e belo que há em cada um de nós, talvez porque “o nascimento de uma ideia é precedido por uma longa gestação” – como nos diz a narradora de “História interrompida”. Leitora de Heidegger, Clarice nos transmite a visão de que a tranquilidade e a normalidade do cotidiano são aparentes, e o que importa é uma compreensão mais profunda do ser humano. Capaz de construir enredos e personagens inusitados a partir das situações mais banais que cada um de nós vivencia, ela nos dá a chave para romper com uma realidade que em geral é vista como imóvel ou imutável. Por isso, esta obra, como todas as suas outras, é uma lição de vida. O tom confessional de diário, de conversa ao pé do ouvido, que é a tônica de seu estilo, registra, nestes contos, a enigmática reação das personagens femininas contra a repressão patriarcal, e mostra que a conquista da independência da mulher passa pela busca do próprio eu: “Senti que podia. Fora feita para libertar. Libertar era uma palavra imensa, cheia de mistérios e dores” – já descobrira Tuda, a protagonista adolescente de “Gertrudes pede um conselho”. O posfácio é de Claufe Rodrigues. Compre na AMAZON.


Confusões de um ano desastroso - Ela ainda tem que lidar com a evolução do namoro do pai com sua professora preferida e as negociações do divórcio dos seus pais, que está um desastre. Como se não bastasse o drama familiar, ela percebeu que estava apaixonada por Grady tarde demais e agora ele está namorando a Reese, a garota mais popular do segundo ano. Para piorar ainda mais, a única coisa que parecia inabalável em sua vida – o teatro da escola – vai por água abaixo depois de uma audição catastrófica. Conforme o ano vai passando, Chloe precisa aprender a lidar com o caos que sua adolescência está e sobreviver ao ensino médio, claro, registrando tudo em seu diário. Compre na AMAZON

Nenhum comentário

Comentários ofensivos e/ou preconceituosos não serão aceitos.

Obrigado por visitar e comentar.